Zissou e Líder Design mostram que é possível fazer diferente no setor sem grande investimento

 

Sócios Zissou

 

Para converter um produto em vendas é necessário que a qualidade e competência ultrapasse a produção. Não adianta ter o melhor se ninguém souber disso, portanto a maneira como a empresa se comunica com os clientes é determinante para o sucesso. Um exemplo de empresa do setor que vem pensando ‘’fora da caixinha’’ é a Zissou, startup com sede em São Paulo, que vem crescendo em média 20% ao mês em faturamento.

 

A Zissou é uma marca aspiracional voltada ao mundo do sono, não especificamente a colchões. A empresa busca realizar campanhas com foco em relações públicas, trazendo sempre algo que tenha apelo para o público. Um exemplo disso foi a ação em que a empresa enviou um colchão para o lateral da Seleção Brasileira, Marcelo, durante a Copa do Mundo, após receber a notícia de que o motivo da lesão do jogador havia sido o colchão que ele dormiu. Em outra ação, durante o Latam Retail Show, realizado em agosto em São Paulo, a empresa criou uma experiência interativa para apresentar a marca: ao deitar em uma cama, a pessoa era guiada por um carrinho com experiência audiovisual e sensorial sobre as quatro fases do sono.

 

Outro exemplo de quem está pensando fora da caixinha é a Líder Design, marca de móveis para sala de estar e complementos do Grupo Munhoz Caetano, que teve alguns de seus móveis selecionados para compor o cenário do programa Hoje em Dia, por cerca de um ano e meio.Apesar da campanha ainda ser recente para mensurar o impacto direto na venda, a repercussão da ação tem sido forte. Inclusive, uma rede varejista de linha alta solicitou displays da campanha para colocar em cada peça disponível no showroom da loja, evidenciando que o varejo percebe e absorve as ações B2C, utilizando como argumento para fechar negócios nos pontos de venda.

 

Tendo a criatividade como principal ferramenta, Zissou e Líder Design provam que é possível alcançar visibilidade de maneira espontânea na mídia a custo quase zero. A matéria completa você confere na versão digital da edição de outubro da Móveis de Valor, clique aqui para acessá-la e faça uma boa leitura.

 

Para conferir a matéria original, clique aqui: Pensar fora da caixinha traz ótimos resultados